Fique por dentro das novidades sobre
contabilidade, empreendedorismo e gestão.

Artigos, E-Books, Webseminários e outras informações relevantes para ajudar à sua empresa alcançar o sucesso. 

Tudo grátis.

Cadastre o seu e-mail e receba conteúdos exclusivos

Conteúdos

Como gerenciar conflitos entre os funcionários

Mesmo que a sua empresa tenha uma excelente comunicação entre os colaboradores, os conflitos entre funcionários e sócios podem surgir a qualquer momento e pelos mais variados motivos!

 

Os grandes prejuízos disso se revelam com:

  • Diminuição da produtividade.

  • Problemas no clima organizacional da empresa.

  • Tensão nas atividades e no relacionamento.

  • Sentimento de insatisfação e discórdia.

Por esse motivo, é mandatório que os conflitos corporativos sejam resolvidos, assim que identificados.

 

Segundo as pesquisas feitas pela Robert Half, para 46% dos gestores de RH, os conflitos, sem sombra de dúvida, são o maior desafio que existe dentro de qualquer empresa!

 

O pior foi que desses 46%, 43% dos gestores, afirmaram achar não serem capazes de solucionar esses conflitos internos!

 

Os conflitos entre sócios ou entre colaboradores faz parte dentro da rotina de sua empresa?

 

Primeiro é preciso destacar que a mediação de conflitos é um processo demasiadamente relevante para o sucesso organizacional. E quando feita de maneira assertiva, é possível, inclusive, aprender grandes lições, identificar falhas empresariais e melhorar os processos!

 

Então, como gerenciar conflitos eficazmente?

 

Para gerenciar conflitos de maneira eficaz, você precisa ser um comunicador habilidoso.

Isso inclui:

  • A criação de um ambiente de comunicação aberto em sua unidade, incentivando os funcionários a falar sobre problemas de trabalho.

  • Ouvir as preocupações dos funcionários promoverá um ambiente aberto. Certifique-se de que você realmente entende o que os funcionários estão dizendo, fazendo perguntas e concentrando-se em sua percepção do problema.

Se você tem dois funcionários que estão lutando pela mesa ao lado da janela ou um funcionário que quer o ar mais frio e outro que quer a sala mais quente, a sua resposta imediata a situações de conflito é essencial. Aqui estão algumas dicas que você pode usar quando se deparar com funcionários que não sabem resolver seus próprios conflitos.

 

Reconheça que existe uma situação difícil

 

Honestidade e comunicação clara desempenham um papel importante no processo de resolução. Familiarize-se com o que está acontecendo e esteja aberto sobre o problema.

 

Deixe as pessoas expressarem seus sentimentos. Alguns sentimentos de raiva e / ou mágoa geralmente acompanham situações de conflito. Antes que qualquer tipo de solução de problemas possa ocorrer, essas emoções devem ser expressas e reconhecidas.

 

Defina e entenda o problema

  • Qual é o problema declarado?

  • Qual é o impacto negativo encontrado no trabalho ou no relacionamento?

  • Diferentes estilos de personalidade são parte do problema?

Reunir-se com os funcionários separadamente a princípio e questioná-los sobre a situação é importante para compreender o que se passa.

 

Determinar as necessidades...

 

O objetivo da resolução de conflitos não é decidir qual pessoa está certa ou errada. O objetivo é chegar a uma solução com a qual todos possam conviver.

 

Olhar primeiro para as necessidades, em vez de soluções, é uma ferramenta poderosa para gerar opções de ganho a ganho.

 

Para descobrir as necessidades, você deve tentar descobrir por que as pessoas querem as soluções inicialmente propostas, exemplo de pergunta que pode ser feita:

 

“Vocês querem resolver esse impasse, por quê”?

 

Depois de fazê-los entender as vantagens que as soluções têm para eles, você acaba por descobrir as necessidades deles. É pura psicologia e funciona!

 

Encontre áreas comuns de acordo, exemplos:

  • Você concordar com o problema?

  • Concorda com o procedimento a seguir?

  • Concordar em fazer alguma pequena mudança para ter uma experiência de sucesso nesse sentido?

Encontre soluções para satisfazer as necessidades:

  • Certifique-se de que as partes envolvidas compreendem as necessidades das ações a serem tomadas para a resolução dos problemas. (O silêncio total pode ser um sinal de resistência passiva.)

  • Certifique-se de obter um acord

     

    o real de todos os envolvidos.

  • Determine o acompanhamento que você fará para monitorar as ações e as atitudes dos envolvidos, observe o progresso ou o regresso.

  • Você pode agendar uma reunião de acompanhamento após cerca de duas semanas para entrevistar as pessoas que estavam em conflito.

  • Determine metas de curto, médio e longo prazo de boa convivência, ética e respeito mútuo.

  • Capacite seus funcionários com inteligência emocional.

Todos esses passos com toda certeza surtirão um efeito produtivo e surpreendente na empresa e em seus funcionários!

 

E se precisar conte conosco!

 

Please reload

SIGA-NOS

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon

POSTS RECENTES

Please reload

Contato
Fale com um de nossos consultores ou se preferir entre em contato pelo nosso
*chat rápido via WhatsApp 

* De segunda a sexta-feira das 09h às 18h30

Omegaprice

Sobre

Depoimentos

Trabalhe conosco

Depoimentos de clientes

Conteúdos

Sobre Nós

A OmegaPrice é um escritório de contabilidade para pequenas e médias empresas. Com a gente você tem além dos serviços contábeis tradicionais ferramentas online que permitem integração financeira e contábil, organização e controle de documentos e acompanhamento da regularidade contábil e fiscal da sua empresa. 

OMEGAPRICE CONTABILIDADE EIRELI

Conselho Regional de Contabilidade: PR-007658/O-8

Endereço da Matriz: Av. Paraná, 1755, Sala 71,

Boa Vista, Curitiba/PR, 82.510-000

  • LinkedIn Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • https://www.youtube.com/channel/UCcE

h<script type="text/javascript" async src="https://d335luupugsy2.cloudfront.net/js/loader-scripts/0e3efbbb-833c-410f-acc5-b3da5cbbbbf0-loader.js" ></script>

©Omegaprice Contabilidade. Todos os direitos reservados